Pular para o conteúdo

SYLVINHO demitido. Será que jogador pensa que ” aquele gol que eu perdi, poderia ter segurado o professor ?”

 

Sylvinho deixa o Corinthians após quase nove meses no clube, com 43 partidas e 48% de aproveitamento dos pontos disputados. É pouco.

“Após o jogo nos reunimos no vestiário eu e a diretoria de futebol e entendemos que é o momento de interromper o trabalho do nosso treinador e fazer uma correção de rota. Aproveito para agradecer todo o empenho do Sylvinho, todo o trabalho e toda dedicação ao Corinthians. Amanhã nos reuniremos para definir os próximos passos”, comunicou o presidente Duílio Monteiro Alves em um rápido pronunciamento pelo canal do clube no Youtube.’’

Sylyinho já chegou sendo criticado. O time, fraco, não rendeu,e as críticas aumentaram.

Chagaram reforços e a equipe não cresceu.

O treinador tem responsabilidade, claro.

Mas, não só ele. Os gols perdidos pelos jogadores afundam treinadores.

Jogadores vistos como competentes, foram ineficientes.

Essa incompetência tem grande poder para que a cabeça de um treinador seja cortada.

Nesse episódio deve entrar o trabalho de ilusionismo feito pela diretoria alimentando o monitoramento de atacantes estrelados e inviáveis.

Sylvinho nunca teve como treinador a confiança da torcida.

O clima esquentou e chegou o tão reprovável desrespeito.

Era, portanto, uma questão de horas. No primeiro tropeço mais marcante seria o fim da relação.

Carille e o Santos foram o “gatilho” para a demissão anunciada.

O clima para Sylvinho virou uma permanente tempestade.

Só teve um pouco de paz, quando o clube abraçou a especulação de atacantes Vips sendo sondados.

Nesses dias, Sylvinho sumiu das manchetes.

Quando um treinador de futebol vai embora, tenho a sensação que vários jogadores levam algum tempo para dormir.

Especialmente aqueles que “perderam gols feitos”.

É impossível deixar de pensar que “o meu gol poderia ter segurado o professor…”.

Fica o alerta para caprichar mais sob o comando do novo técnico.

Embora, esse tipo de incômodo logo é esquecido no  futebol…

Comentários

comments