Pular para o conteúdo

JESUS alimenta o flerte…e faz o Flamengo sofrer.

 

JESUS voltou ao Benfica no dia 17/7/2020.

Recebe críticas desde o momento do anúncio oficial pelo clube.

As “pancadas” vem da torcida e de boa parte da imprensa portuguesa.

“Nem sabemos como deu certo no Flamengo…”.

Esse tem sido o clima vivido pelo treinador português “na sua casa”.

As grandes conquistas pelo Flamengo sempre estiveram na bagagem do professor.

Ele nunca deixou de valorizar o que fez por aqui.

Com entrevistas, faz comparações e realça seus ensinamentos ao futebol brasileiro…

Os treinadores que trabalharam no Flamengo pós Jesus nunca tiveram paz.

O clube sempre deixou claro que todos estavam lá …até a volta de Jesus. Um dia.

Nem sei se ele – como salvador – vai voltar até o final do mês…ou no início do ano…ou no final do contrato que tem com o Benfica.

O Flamengo não seguiu a vida sem Jesus…vitórias ou derrotas sempre tiveram a imagem do técnico na cabeça dos dirigentes e de boa parte dos torcedores.

Ganhando, “poderia ter sido melhor com Jesus…”

Perdendo, “com Jesus, teríamos vencido…”

Apaixonada pelos feitos de 2019, a diretoria do Flamengo nunca deixou de adorar o flerte permanente de Jesus.

É isso. Jesus foi embora, mas nunca deixou de flertar o time que o colocou nas nuvens.

Sabia que profissionalmente a porta estaria sempre aberta.

A diretoria do Flamengo deixou isso muito claro.

Até agora, treinador contratado é considerado “tampão” por lá…

Distante 7.700 quilômetros do Rio de Janeiro, Jesus sempre alimentou a paquera…

A piscada de olho permanente, sempre revelou suas intenções.

Jesus, seguindo a caminhada em Portugal e “impedindo” um novo relacionamento do Flamengo.

O treinador – com o Flamengo – sabe usar técnicas de persuasão e encantamento.

Ele já testou várias vezes o grande interesse do Flamengo.

Se Jesus não voltar, a diretoria do clube terá a sensação de ficar sem chão…

Sofrimento, né?

 

 

Comentários

comments