Pular para o conteúdo

FELIPÃO SAIU. SERÁ QUE TEVE LÁGRIMAS? FAZ PARTE DA TRAMA.

 

Felipão comandou o Palmeiras por um ano.

Sob o seu comando a equipe conquistou 70% dos pontos disputados.

O time foi eliminado em algumas competições.

Nas últimas semanas a equipe tropeçou ainda mais.

Muito dinheiro e inúmeros jogadores contratados fizeram a torcida acreditar em conquistas, muitas conquistas.

Hoje, só resta continuar lutando pelo Brasileiro.

Mas, isso tudo você já sabe…

Quer apostar que você vai ouvir vários jogadores dizendo que lamentam muito a saída do Professor?

Muitos mostrarão para as câmeras rostos tristes, quase chorando…

Felipão não é um gênio tático.

Mas, merece respeito pela história.

E quando o Palmeiras precisou de alguém para ajeitar a esculhambação, foi chama-lo.

Na última partida, o marcador mais implacável do time disse que “entrei com medo de fazer falta…”.

É o fim dos tempos…

Talvez, pelo péssimo retrospecto disciplinar construído por ele mesmo.

Mas, o treinador ficou com o pincel na mão…

Outros estrelados do time, caíram bastante de produção.

Chegaram a se atrapalhar com a bola…

Os simplistas vão continuar dizendo que é obrigação do treinador impedir essa queda de rendimento ou vibração.

Felipão disse que um dos problemas era a “queda anímica” .

Falta de espírito, de alma…de crença naquilo que podem e devem fazer.

Então é melhor trocar o “comandante”.

É o mais fácil, o mais cômodo…para a cartolagem.

Mas, jogadores que atuam num clube que paga em dia, com rica história no futebol brasileiro, com poder de rivalizar até com cofres de clubes europeus, precisam ser paparicados ou motivados a cada jogo?

Felipão não vai dizer nunca isso, mas ele sai do clube sabendo que nos últimos tempos “os jogadores não jogaram pelo professor”.

Infelizmente, algo habitual no futebol.

Felipão tem experiência.

Quando ele ouviu algumas declarações de jogadores dizendo que  “ os torcedores devem cobrar a gente, não o professor” deve ter ido limpar o seu armário…

E na despedida, lágrimas.

O enredo é conhecido…

Comentários

comments