Pular para o conteúdo

A queda de Crespo: ele não era o líder do ranking de problemas.

O São Paulo tem sérios problemas.
Crespo não era o maior deles.
Mas, falando do futebol, só do futebol, Crespo também não liderava o ranking das adversidades.
É só recuar um pouco no tempo…de Cotia que partiu o comentário de que o clube formaria um time “master” , referindo-se à contratação de Miranda.
O estrago feito por Daniel Alves, não é desconhecido.
Foi ele o dono da frase sobre “levar o São Paulo ao mundo”.
O medalhista provocou narizes torcidos no elenco, reação sempre negada. Claro.
Os dirigentes sempre insistiram que Cotia tinha um baú de joias. Irreal.
O time é razoável e vendido como forte.
Tudo dependia de um treinador. Seja quem for o técnico, com o elenco que tem a sua disposição, tem material para transformar numa orquestra sinfônica.
Esse foi o discurso da gestão passada e endossada pela atual.
É óbvio que não houve comum acordo para saída do argentino. Foi demitido.
Mas, acredito em vestiário carregado, creio em esforço moderado de alguns jogadores, julgo muito forte a influência de estafes e empresários, ensaiados para falar que seus representados são considerados candidatos à bola de ouro.
Agora, vale aguardar o próximo…

Comentários

comments