Pular para o conteúdo

Tite revela ter sido procurado por clubes que já treinou e fala sobre a Seleção

Tite revela ter sido procurado por clubes que já treinou e fala sobre a Seleção

Longe dos holofotes após deixar o comando do Corinthians ao fim da última temporada, o técnico Tite passa por um momento de muito estudo e reflexões sobre novas táticas de jogo, tanto por meio da leitura de livros como pela análise de jogos dos principais torneios da Europa. Em entrevista exclusiva a Rádio Jovem Pan, o gaúcho revelou que recebeu convites para voltar a treinar clubes pelo qual já passou e preferiu despistar sobre os boatos de que assumiria a Seleção Brasileira após a Copa do Mundo.

O ídolo corintiano ainda falou sobre o que espera da final da Liga dos Campeões entre Real Madrid e Atlético de Madrid, além de falar sobre o seu último clube.

O ex-treinador corintiano assume que é um dos cotados para ser o próximo comandante da equipe canarinho, mas coloca outros colegas de trabalho com capacidade de ficar com o cargo, caso Felipão não permaneça após o Mundial. “Claro que o Tite estará entre os técnicos caso o Felipão não decida continuar, não vença e a direção decida trocar o comando. Estou consciente que estou entre os candidatos, mas há outros quatro ou cinco que têm condições para poder, caso ocorra o convite, ser técnico da Seleção Brasileira”, revelou.

Com passagens por grandes clubes como Grêmio, Internacional, Atlético-MG e Palmeiras, Tite se disse muito feliz quando recebe convite para comandar novamente um time em que já passou. Ele revelou que foi procurado por algumas equipes e ressaltou o seu orgulho e satisfação por tal fato.

“Eu tenho recebido convites importantes e que me deixam satisfeito e orgulhoso. Vou te dizer uma coisa, quando sou convidado por equipes pelo qual já passei, isso me deixa muito contente, mais do que numa equipe por qual nunca trabalhei”, contou o campeão mundial de clubes, sem revelar a identidade.

Sem a pressão de ter que conseguir resultados diariamente, o técnico tenta aumentar o seu conhecimento tático para implementar em seu próximo trabalho. Tite explicou o que vem aprendendo com a leitura e ainda procura analisar as partidas do futebol europeu.

“Na partida entre Arsenal e Bayern de Munique, meu filho estava de olho na cobrança e percebeu que eu estava olhando para outro lado. Quando ele me perguntou o que eu estava observando, expliquei que queria ver a bronca que o Guardiola estava dando na defesa, que estava desmontada no lance da penalidade”, brincou. Eu acabo sempre revendo conceitos e levando ideias para os treinamentos do dia-a-dia. Firmo conceitos e revejo outros, como por exemplo, o 4-4-2 sempre vai ser sem sobra, pois as coberturas são sempre laterais, então aquilo que se fala sobre a equipe ter defesa em linha, sim! A compactação sempre estará em linha, pois não é um jogador específico que fará a cobertura e sim um desses quatro.

Questionado sobre se ele deveria ter dado início a reformulação do Timão para a atual temporada, Tite respondeu dizendo que o Corinthians vem mudando constantemente desde a sua chegada. “Começou um torneio e ela já foi implementada na busca de qualificação profissional já quando fomos campeões mundiais, por isso a vinda do Renato Augusto, do Pato e do Gil”, finalizou.

Comentários

comments