Pois é. E o comunicado veio da vice-presidente de comunicação da empresa, Rosette Pambakian. Depois de publicadas diversas trocas de mensagem entre um usuário chamado Nick e mulheres que receberam uma série respostas sexistas e machistas, Rosette fez um post no blog da empresa na forma de uma carta exatamente endereçada ao tal usuário. Entre o que foi dito:

“O Tinder tem uma política que não tolera desrespeito. Sem discursos sexistas. Sem porcos machistas. Sem brincadeiras de mau gosto. Sem babacas incapazes de superar suas inaptidões tempo suficiente para ter uma conversa decente com outra pessoa no Tinder”

“Eu fiquei pessoalmente ofendida com o que você disse. As suas palavras para aquela mulher foram um ataque, não só contra ela, como contra todas nós. Todos os dias, nós trabalhamos para livrar nosso ecossistema de parasitas como você. Eu nunca vou entender por que alguém escolhe espalhar ódio pelo mundo, mas você não tem essa opção no Tinder. Ódio não é uma opção e nós continuaremos a enfrentá-lo onde quer que ele mostre sua cara feia”

Quer mais do vrá?

“Não sei se soube, mas mais e mais mulheres estão se tornando empreendedoras e líderes empresariais de sucesso. Obviamente, você não andou prestando atenção. A voz feminina está ficando cada vez mais abrangente!”

Felipe Neto X Silas Malafaia Bloqueie a agenda! Domingo estreia FEUD: BETTE AND JOAN, com Jessica Lange e Susan Sarandon

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.