Sim, a gente se lembra com saudades de All I Wanna Do e If It Makes You Happy… Anos 90, que não voltam mais. Quem voltou foi mesmo Sheryl Crow , que já vendeu 25 milhões de discos nessa vida e estava sumida do cenário musical por motivo de batalhas pessoais, principalmente contra um tumor no cérebro.

O novo álbum da cantora, sucessor de Feels Like Home (2003), se chama  Be Myself e se mostra uma retomada do tipo de som que todo mundo gostava de ouvir Sheryl fazendo. Não por acaso, já que os produtores que colocaram a mão na massa são os mesmos de seus discos de maior sucesso. Jeff Trott, produziu  The Globe Sessions” (1998) e C’mon C’mon (2002).

São 11 faixas que já aparecem elogiadas por fãs e críticos. OUÇA AQUI Uma das faixas mais elogiadas é Roller Skate.

Bruno Mars e Paul McCartney dizem sim ao Brasil! Cineminha? Terror e filmes de Greg Kinnear e Richard Gere chegam às salas brasileiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.