Parece que precisa. Vocês devem ter lido a história de que a diretora da Clay County Development Corp., Pamela Ramsey, fez o infeliz post no Facebook.

racista

“Será revigorante ter na Casa Branca uma primeira-dama com classe, bonita, digna. Estou cansada de ver uma macaca de salto”,

Pera um minutinho que eu fui ali vomitar. Como pode? Gente! E ai teve os nojentos apoiando… A prefeita Beverly Walling, da cidade de Clay, na Virgínia Ocidental, foi lá e mandou nos comentários:

“Ganhei o dia Pam”

De alguma forma cientes da m**** que tinham feito, apagaram rapidamente seus comentários. E nesse caso, salve o print screen, porque não dá pra uma coisa dessas passar batido. Beverly Whalling se desculpou, em declarações publicadas ao jornal The Washington Post:

“Meu comentário não pretendia ser racista, de modo algum”

Nossa. E a cara de pau? Fato é que pressionada, a prefeita renunciou ao cargo hoje. Ah! E Ramsey também foi demitida. Essa cidadezinha de Clay tem uma população de menos de 500 habitantes, e fica ali no sudeste dos Estados Unidos onde o povo vive ainda num apega bizarro ao legado da escravidão.

Precisa lembrar que Michelle Obama é MARAVILHOSA? Precisa mesmo? Então toma essa:

Desde se tornou Primeira Dama dos Estados Unidos, Michelle abraçou a causa da obesidade infantil. Comandou uma série de programas para incentivar as escolas a revisarem cardápios e as crianças a se exercitarem mais.

Desde que foi morar na Casa Branca, soube quebrar o protocolo de forma simpática e coerente, tanto recebendo celebridades e líderes de estado, como também em outras situações, como desta vez quando surpreendeu pessoas que faziam uma visita para conhecer o local.

Em 2014, criou o Reach Higher facilitador financeiro e burocrático para que os alunos graduados no Ensino Médio continuem os estudos em cursos profissionalizantes ou faculdades.

No final de 2015, Michelle criou a iniciativa Let Girls Learnque ajuda a manter garotas de áreas pobres ao redor do mundo no estudo. São priorizadas famílias que foram afetadas por guerras, conflitos étnicos e epidemia da AIDS.

Simpatia. Simpatia e simpatia. Como Michelle é maravilhosa:

Feminista? Sim ela é. E potencializa a voz das mulheres através de sua amizade com celebridades como a apresentadora Oprah Winfrey e a cantora Beyoncé.

Quem disputa o que nas categorias de TV do Critic´s Choice Awards WhatsApp quer te tornar químico dependente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.