Eis que  Paula Fernandes foi chamada de “baita mala” pelo prefeito de Taquari, Rio Grande do Sul. Na internet tudo estava na verdade a favor da cantora, que apareceu no palco segurando um cãozinho neste final de semana, ovacionada pelo público e fãs que a seguem nas redes sociais.

‘Eu fiz questão de pegar esse cachorrinho que estava no chão assistindo ao show porque sou amante dos animais, da natureza, defendo com unhas e dentes. Crio cachorro, cavalo, um monte de bichos na minha chácara”

Foi quando o prefeito da cidade, que promoveu o evento, resolveu contar que essa atitude fofa seria coisa que acontece apenas diante das câmeras.

Maneco Emanuel Hassen fez um comentário no vídeo publicado pela cantora no Instagram:

“ignorou todos os fãs. Gente que veio de longe. Baita mala”. “Linda atitude no palco. Nos bastidores é uma mala completa”

O prefeito ainda ironizou:

“Tomara que ela não tenha pego o cãozinho para agradar a plateia. Vamos esperar ela postar com os cães dela adotados e contribuindo com protetores dos animais”

Ao EXTRA, o prefeito detalhou que a cantora foi contratada pela Prefeitura de Taquari para um show na 27ª edição do Natal Açoriano, mas se recusou a posar para fotos:

“Dentre os compromissos assumidos com a equipe da cantora (que aliás, são praxe em qualquer show, pelos todos que fizemos até hoje), é receber pessoas no camarim para fotos, vídeos, etc”.

“Fizemos promoções no face e em rádios para os sorteados tirarem fotos no camarim. Nos comprometemos com apoiadores do evento, etc. Ela e sua equipe não cumpriram com este compromisso. Além da postura completamente arrogante e mal educada dela para com todos”

A cantora respondeu com nota, enviada a GaúchaZH

“E a era das fake news continua, não é? Meus fãs e contratantes me conhecem e sabem que a minha maior alegria é poder atender e estar perto de todos que me dão sempre tanto carinho. Infelizmente, quando estamos na estrada muitas coisas não saem da forma que planejamos. Fico pessoalmente irritada quando algo acontece que não me permite falar com quem mais amo. Muitas vezes são questões de tempo, estrutura e organização local que acaba não tornando o atendimento nos moldes que gostaria possível. Neste caso, estava prontamente a postos para atender e assim o fiz a todos que estavam na porta do camarim. Sonho com o momento em que alguns não tentem mais se promover usando nomes públicos como o meu. Reafirmo o meu compromisso em atender todos meus fãs sempre que possível e da melhor maneira não só nos shows, mas nas minhas tardes de autógrafos, aeroportos e hotéis.”

A Gaúcha Zero Hora fez um levantamento incrível das polêmicas nas quais a cantora já se envolveu:

Roberta Miranda

Em junho de 2018, Roberta Miranda fez um desabafo nas redes acusando outra artista de imitá-la. Os Fãs logo perceberam a indireta:

— Ser imitado é ótimo, mas você não pode fazer uma promoção que no outro dia vem alguém e faz igual. É incrível, toda hora, a roupa que você veste… Viu que não estava dando certo, uma cafonice do cão, aí vem e imita você também…

O bode veio quando a equipe de Paula Fernandes promoveu um sorteio realizado para os fãs que publicassem fotos com a hashtag de uma música dela.

— Uma coisa que eu fiquei indignada, foi há três, quatro anos, no Multishow, ganhando prêmio, olhou pra mim e virou as costas para Roberta Miranda. Nem por isso eu vim a público falar da falta de respeito que essa coisa aí fez. Fiquei chateada. Ela ainda disse que eu era a ídolo dela

(Paula Fernandes, ganhou o prêmio de Melhor show no Prêmio Multishow, em 2013)

 

 

Paula e Bocelli

Durante a apresentação de Andrea Bocelli em São Paulo, em outubro de 2016, Paula Fernandes dividiu com ele os vocais de Vivo Per Lei com o italiano. Bem, quase isso, porque a cantora desistiu de fazer todo o dueto no meio da performance. Cantou somente a primeira estrofe da canção, e foi apontada pela soprano Maria Almeida.

 “Minha consciência está limpa, eu nunca abandonei o palco ou deixei de fazer o meu trabalho. Esta canção, Vivo Per Ella, nunca foi um trio. Que me deixem em paz, que eu não tenho nada a ver com a outra que congelou no palco e não cantou. Ela não sabia a música. Nem ela, nem a outra. Chegaram ao ensaio lendo a letra da música em um papel. Uma falta de respeito total com Andrea”

Ao Extra, a cantora se justificou:

— Se eu tivesse errado ou esquecido a letra, assumiria. Mas houve, sim, uma falha na comunicação da produção.

Paula e o violão desafinado:

Em 2016, no Domingão do Faustão, mandou um:

— Gente, posso afinar esse violão? Porque está desafinado para caralho!

“Neste domingo, depois de tantas participações no ‘Domingão do Faustão’, a cantora Paula Fernandes se sentiu completamente confortável em dividir com Fausto e com o público um problema em seu violão. Fausto, que há tantos anos brinca com essas situações, imediatamente interagiu e concordou com a cantora. Paula foi, como sempre, extremamente profissional e cantou mais uma música, além do previsto.

O talento e o carisma de Paula Fernandes serão sempre bem-vindos ao palco do ‘Domingão’ e de outros programas da Globo”.

Paula e Leonardo

Em 2011, ainda agenciada pela empresa do cantor Leonardo, Paula Fernandes foi à Justiça pedir o rompimento de contrato alegando que a divisão dos lucros por apresentação era injusta.  Rolou lavação de roupa suja nas redes… E depois de briga na justiça a cantora retomou o controle de sua carreira.

Paula e grandes Atrasos

No mesmo ano, a artista atrasou em mais de duas horas e meia sua apresentação em Santa Maria (RS). Em Cajamar (GO), Paula Fernandes atrasou mais de três horas para o início de sua performance, justificou com a chuva.

Paula e desistência

Ainda em 2011, a cantora desistiu de participar em conjunto com três corais infantis da cidade Primavera do Leste, no Mato Grosso. No dia do espetáculo, a cantora alegou estar indisposta e resolveu não participar do evento.

“A Prefeitura Municipal de Primavera do Leste vem à público manifestar veemente repúdio a cantora Paula Fernandes durante sua passagem por Primavera do Leste que se portou com desdém e até falta de consideração aos alunos da rede pública municipal de ensino durante uma homenagem prestada à cantora nesta cidade.

Esperamos que a referida cantora de grande expressão nacional tenha a grandeza de valorizar, incentivar e ao menos respeitar o trabalho que é feito com muita dedicação por alunos no coral municipal e conjunto de violões, e que se apresenta sempre com destaques nos vários eventos que participa no Estado e até fora dele.

Vale ressaltar que a população primaverense a recebeu de braços abertos e foi prestigiar o seu show no último dia 9, onde todos que compareceram pagaram corretamente o valor dos ingressos. Uma cantora como Paula Fernandes que busca a cada dia ganhar novos fãs, não pode destratar os seus, bem como aos ouvintes de suas canções, como ocorreu nesse episódio em Primavera do Leste”.

É importante lembrar também que Paula Fernandes, recentemente, contou ao programa Fofocalizando, que precisou lutar contra a depressão no começo da carreira. A sertaneja revelou que chegou a cogitar suicídio em um momento difícil.

“Tive uma depressão forte, as coisas profissionais não aconteciam, dificuldades financeiras. Fiquei muito mal, emagreci uns sete quilos. Um dia olhei a janela e ia pular”

“Foi bastante difícil, mas para mim foi um grande aprendizado porque encarei a minha depressão como oportunidade. Aí que passei a conhecer a Paula Fernandes que sou hoje. Fiz tratamento com tarja preta, fui ao psicólogo, tive crise de pânico…. Tudo que você possa imaginar. Sentia muita culpa de tudo ter dado errado. Foi um processo doloroso”.

Luba X Kefera: Entenda o que aconteceu Cineminha? Mary Poppins, a babá dos sonhos e filmes para os pequenos. Férias, né?

One thought on “Polêmica! Paula Fernandes é legal?”

Deixe uma resposta para Toques para celular Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.