Não é de hoje que a cantora Sinead O’Connor tem preocupado os fãs, amigos e familiares. Agora as pessoa se perguntam se ela está bem, e tudo depois de um vídeo publicado na última quinta-feira, dia 3 de agosto,  em seu perfil no Facebook:

“Consegui escapar do meu país, do meu estigma, de tudo o que significava que era ok usar o fato de que eu tenho três transtornos mentais como algo para me bater”

Ela fala sobre seus transtornos mentais, explica está abandonada pela família, morando em um motel nos Estados Unidos e tem apenas o apoio do médico.

“Eu estou completamente sozinha. E não há ninguém na minha vida além do meu médico, meu psiquiatra, o homem mais doce do mundo, que diz que eu sou sua heroína, e essa é a única coisa que me mantém viva no momento. E isso é meio patético”

“Transtornos mentais são como drogas. Não dão a mínima para quem você é.”

“Espero que este vídeo de alguma forma ajude, não eu, mas as milhões e milhões de pessoas que são como eu”

“É o estigma que mata pessoas, não são os transtornos”.

o depoimento também toca na questão da cantora ter tendências suicidas e de como os transtornos mentais fazem com que os outros passem a ignorar opiniões e reações legítimas que o portador da doença possa ter na vida. Depois de alguns posts estranhos na sexta, a cantora parou de interagir, o que deixou todos muito preocupados. Já nesta madrugada, surgiu um post redigido por alguém, a pedido da cantora. Nele, é dito que Sinead está bem, não quer se suicidar. Que está cercada de amor e recebendo cuidados. O post também explica que não haverá resposta para possíveis perguntas do seguidores, e que a mensagem foi postada apenas par confortar aqueles que estavam preocupados.

Mother! O filme que você quer ver Tudo bem, Liam Gallagher. Pode ser que a gente também não queira te ver no Carpool Karaoke

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.