O The Hollywood Reporter produziu uma série com artistas na casa dos noventa anos que ainda estão na ativa.Entre eles,  Jerry Lewis soltou um papo truncado, que parece um esquete de humor negro.

O jornalista Andy Lewis passou maus bocados nas mãos de Jerry. De cara, Lewis se irritou com toda a infra de equipamentos e pessoas para a gravação. Agora, o mais complicado foram as respostas monossilábicas, do tipo: não. nunca.

De cara ele rebateu:

Nunca pensou em se aposentar?

“Por quê?”

Em nenhum momento você pensou: talvez seja a hora de aposentar?

“Por quê?”

E seguiu com uma série de vrás. Como faz para continuar produzindo material original? “Trabalhando nisso.” Como Las Vegas mudou desde 1947? “Continua exatamente a mesma”. Como faz para manter um público assíduo em seus espetáculos? “Aviso que vou me apresentar e eles aparecem”.

Sete minutos de desconforto. Nem um ótimo roteirista saberiam organizar tão bem esse pastelão. Jerry Lewis, que ao lado de Dean Martin alcançou sucesso a partir de 1946 se consagrando como  uma parte da duplas memorável do humor americano, fazia o papel do maluco em espetáculos cheios de improvisação. foram muitos sucesso nos teatros e no cinema, com filmes como O marujo foi na onda (1952) e O rei do laço (1956). Muitas outras produções vieram mais a adiante como  O mensageiro trapalhão (1960) e O professor aloprado (1963). Se quer conhecer mias sobre a trajetória do artista, busque pelo doc O método da loucura de Jerry Lewis (2011).

 

O que esperar de Blade Runner 2049 5th Harmony: a versão de Camila Cabello, e a gravação de Lauren

One thought on “Jerry Lewis, 90 anos, algum mau humor e uma das melhores entrevistas pra você ver hoje”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.