A declaração do ator e diretor Geroge Clooney à revista australiana WHO está repercutindo mundialmente. Ele, que é próximo do casal real, disse que Meghan Markle é assediada pela mídia da mesma forma que Diana foi.

Meghan, que agora responde pelo título de duquesa de Sussex, espera seu primeiro bebê, o que aumentou ainda mais o interesse da mídia por sua figura.

View this post on Instagram

"You do not have to be defined by your injury or disability. You may not realise or appreciate it yet, but do not underestimate the incredible impact you are having on those around you, by simply being yourself." — The Duke of Sussex, as he and The Duchess attended the #EndeavourFundAwards. The Duke presented Shaun with the Endeavour Fund Henry Worsley Award — swipe to watch Shaun’s story. Shaun Pascoe was diagnosed with Post Traumatic Stress after numerous tours around the world with the @RoyalAirForceUK Medical Emergency Response Team. He has now set up the Forces’ Sailing Charity @TurnToStarboard, providing more than 1200 sailing opportunities to service personnel and veterans. The Endeavour Fund Awards celebrate the achievements of wounded, injured and sick servicemen and women who have taken part in remarkable sporting and adventure challenges over the last year to help with their recovery.

A post shared by Kensington Palace (@kensingtonroyal) on

“Eles simplesmente estão perseguindo Meghan Markle por todo lugar, ela tem sido perseguida e difamada. Ela é uma mulher que está grávida de sete meses e tem sido perseguida e difamada da mesma forma que faziam com Diana e isso é a história se repetindo”

Lembrem-se que a princesa Diana, foi morta em um acidente automobilístico quando era perseguida por paparazzi, em 1997.

No caso de Meghan, um dos pontos mais explorados pela imprensa é sua relação, ou falta de relação, com seu pai. No último fim de semana, alguns veículos publicaram detalhes de uma carta íntima atribuída a Meghan, que teria sido enviada ao pai. Clooney comentou:

“Vê-los publicar uma carta de uma filha para um pai, ela está recebendo um tratamento injusto e eu acho que é irresponsável, e estou surpreso com isso.”

Não é de hoje que se fala a respeito do abuso da cobertura da imprensa sobre a vida de Markle. Em 2016, depois de revelar que estava de fato namorando a atriz, o príncipe Harry emitiu um comunicado criticando a imprensa:

“Mas na semana passada uma linha foi cruzada. Sua namorada, Meghan Markle, foi submetida a uma onda de abuso e assédio. Parte disso tem sido muito público – a ofensa na primeira página de um jornal nacional; os comentários racistas de artigos de opinião; e o sexismo explícito e o racismo dos pregadores das redes sociais e dos comentários a artigos da internet”.

As vésperas do casamento, mais uma vez houve um pedido, que dizia:

 “Este é um momento profundamente pessoal para Markle nos dias que antecedem seu casamento. Ela e o príncipe Harry pedem novamente que a compreensão e respeito sejam estendidos ao Sr. Markle nesta situação difícil.”

Outro ponto bastante explorado é a relação de Kate Middleton e Meghan Markle. Os boatos de rivalidade entre as duas foram tantos que houve até mesmo uma resposta oficial emitida pela realeza, negando que a duquesa de Cambridge teria exigido que Meghan não repreendesse mais os funcionários do palácio, como de costume. Sim, também dizem que Meghan seria exigente demais com os funcionários…

Ofendidas, baianas envolvidas na polêmica festa da Vogue prestam queixa na polícia Direto do Sofá: Medo! Netflix mostra o quão assustador foi o serial killer Ted Bundy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.