AMBER:

A bomba estourou na sexta, quando a justiça americana emitiu uma ordem de restrição contra Johnny Depp em favor de sua mulher Amber Heard.  As imagens do rosto de Amber, quando compareceu ao tribunal, revelam hematomas que seriam marcas da agressão. De acordo com a declaração juramentada, essa não seria a primeira vez. Amber alega que o ator a agrediu repetidas vezes, verbal e fisicamente. Esta seria a motivação para que ela entrasse, na semana passada, com o pedido de divórcio.

Entre as alegações, a de que o marido  quase nunca estava sóbrio. De acordo com Amber, só melhorava durante filmagens, quando o ator contratava um terapeuta e um chef para preparar suas refeições. com o fim do trabalho, Depp voltava ao álcool e às drogas,

DEPP:

Amber Heard pediu o divórcio em 23 de maio, citando diferenças irreconciliáveis. O pedido aconteceu três dias após a morte da mãe de Depp, Betty Sue Palmer. Nos documentos do divórcio, Amber afirmou que a separação teria acontecido dois dias antes do falecimento de Betty. Sobre o assunto, ele se pronunciou através de sua assessoria de imprensa:

“Dada a brevidade deste casamento e a perda mais recente e trágica da mãe dele, Johnny não vai responder a qualquer uma das histórias picantes, falsas, fofocas, desinformação e mentiras sobre sua vida pessoal. Esperamos que a dissolução deste casamento curto seja resolvida rapidamente”

Fofocas diziam que Amber era detestada pela família do ator. Este final de semana,  Johnny Depp se apresentou no Rock in Rio Lisboa, com sua banda Hollywood Vampires, formada também por Alice Cooper e Joe Perry.

https://www.instagram.com/p/BF3N0rskMJM/?taken-by=johnnydepp.oficial

RELEMBRE:

O casal se conheceu quando filmavam Diário de um Jornalista Bêbado, 2011. Na época,  Depp ainda era casado com a atriz francesa Vanessa Paradis, mãe de seu filho Jack e de sua filha Lily-Rose. Parece que o casamento durou apenas 15 meses.

EM DEFESA DE AMBER:

A vizinha do casal, Raquel Rose Pennington testemunhou em tribunal a favor da acusação de violência doméstica. Em carta, Raquel conta que o ator lhe bateu nas mãos enquanto tentava acalmar uma discussão entre o casal, na semana passada. Amiga de infância de Amber, A vizinha teria sido chamada por ela para intermediar uma briga e teria encontrado a garota no sofá, tapando a cabeça com os braços, e Johnny Depp bastante alterado, gritando. ao tentar acalmar a situação, Depp teria lhe batido nas mãos, além de ter agitado uma garrafa de vinho como um taco de beisebol.

EM DEFESA DE DEPP:

A filha, Lily-Rose postou no Instagram uma foto em que ela é bebê e Johnny Depp segura suas mãos para ajuda-la a andar.

“Meu pai é a pessoa mais doce e amável que eu conheço. Ele tem sido um pai incrível para mim e para meu irmãozinho, e todos aqueles que o conhecem dizem o mesmo”

https://www.instagram.com/p/BF_YP_5BaCH/?taken-by=lilyrose_depp

 

O TMZ publicou carta atribuída a Vanessa Paradis, ex mulher de Depp. O conteúdo diz:

“Eu acredito de todo meu coração que essas alegações feitas recentemente são ultrajantes. Em todos os anos que conheci Johnny, ele nunca foi fisicamente abusivo comigo e isso não parece em nada com o homem com quem vivi por 14 anos maravilhosos”

View this post on Instagram

#vanessaparadis #johnnydepp

A post shared by bela 👑 (@ilovevanessaparadis) on

A primeira mulher de Depp também se manifestou. Lori Anne Allison disse:

“Ele não bate em mulheres. Johnny nunca colocaria a mão em uma mulher e não é capaz de ferir ninguém.”

O The Independent relatou que a polícia de Los Angeles visitou a casa dos atores Johnny Depp e Amber Heard no dia 21 de maio, antes dela ter apresentado queixas de violência doméstica. As autoridades concluíram:

“Não há quaisquer provas de um crime. Não ocorreu nenhum crime, portanto os agentes abandonaram a casa e deixaram um cartão-de-visita”

Além disso, a pessoa responsável pela chamada não quis preencher uma queixa-crime.

Os atores Mickey Rourke e Paul Bettany também defendem o ator publicamente, dizendo que Depp não era um homem violento.

CIÚMES?

O The Sun diz que Johnny Depp poderia estar com ciúmes de outra mulher. O pivô seria modelo Cara Delevingne.

Quando o ator estava filmando Alice Através do Espelho, cansado e querendo descansa, Amber e Delevingne saiam juntas para se divertir. A garota é bissexual assumida e antes de Depp, namorou a fotógrafa americana Tasya van Ree, por três anos.

https://twitter.com/FCAmberHeard/status/483466157039435776

Barbie versão Mulher Maravilha ganha edição especial para colecionadores Deu Ruim para Alice Através do Espelho

2 thoughts on “Entenda o caso Johnny Depp X Amber Heard”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.