Aguardado por muitos, Me Chame Pelo Seu Nome, do italiano Luca Guadagnino trata de uma história de amor que acontece em um verão dos anos 1980, em uma cidade ao norte da Itália. Os protagonistas desse romance são um garoto de 17 anos e um jovem de 24. Elio (Timothée Chalamet) está ali, aproveitando a estação na casa de seus pais na Itália, quando Oliver (Armie Hammer), um pesquisador chega para ajudar o estudo de seu pai.

O filme é baseado no livro de André Aciman e estreou no Festival de Sundance, no começo do ano passado.Nos Estados Unidos, sua qualificação no Rotten Tomatoe chegou a 98% de aprovação e apesar de se colocar em dúvida a possibilidade de Hollywood premiar com Oscar um filme com essa temática, ele deve ser indicado e muito provavelmente se dar bem no Independent Spirit Awards, onde conta com seis indicações, inclusive de melhor filme, melhor diretor, melhor ator (Timothée Chalamet) e melhor ator coadjuvante (Armie Hammer).

O filme tem um quê de Brasil. A produtora paulista RT Features, de Rodrigo Teixeira financiou parte da produção, que contou com mais 6 produtoras no pool. Além de Tim Maia, nacional, a produtora já financiou produções internacionais como Frances Ha, A Bruxa e recentemente o elogiado Patti Cake$.

Sobrenatural: A Última Chave é quarto filme da franquia Sobrenatural ( o primeiro filme chegou aos cinemas em 2010), e ao contrário do que você possa esperar ( desgaste, pouco caso com o roteiro…) a saga parece seguir firme e forte. Na história, claro que a doutora Elise Rainier (Lin Shaye) está de volta! Ela é chamada para resolver o caso de uma assombração no Novo México. Detalhe: os acontecimentos se localizam exatamente na casa em que ela passou a infância. sim, saberemos mais da infância de Elise, e seus primeiros contatos com o sobrenatural.

Já sem compromisso e pro pessoal que quer riso fácil no cinema temos Correndo Atrás de Um Pai. A comédia conta a história de Peter (Ed Helms) e Kyle (Owen Wilson) que descobrem o pai dele não é na verdade, o pai. Assim, partem em busca do pai real com apenas uma pista dada pelas mãe (Glenn Close).

Seal acusado de assédio Quem acredita em Dylan Farrow?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.