Em O Sacrifício do Cervo Sagrado, Nicole vem cem acompanhada de Colin Farrell em filme dirigido por Yorgos Lanthimos, que já teve dois de seus filmes indicados ao Oscar: Dente Canino (2009) e O Lagosta (2015). Farrell vive um cardiologista famoso, casado com a personagem de Kidman. Eles tem dois filhos. Esse médico mantém uma relação mista de pena e culpa com um garoto, filho de um de seus pacientes que morreu na mesa de cirurgia. O cirurgião resolve então apresentar o garoto para sua família, e o garoto lhe apresenta também sua mãe, interpretada pela Alicia Silverstone. A relação afetuosa entre médico e garoto muda, o que provoca o lançamento de uma espécie de maldição… Segue o jogo, sem spoilers por aqui. Dica: o roteiro foi baseado na tragédia de Ifigénia, de Eurípedes.

E já que estamos nessa seara premiação de filmes estrangeiros, vamos fala de Sem Amor. O cineasta russo Andrey Zvyagintsev já lhe rendeu o Prêmio do Júri no último Festival de Cannes outros tantos prêmios. Agora, o filme concorre ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. É o mesmo diretor de Leviatã (2014), que também concorreu à estatueta. O filme trata de um casal que se separa, mas tem um filho. O que acontece depois disso é um cenário de real desamor pelo garoto, que então desaparece.  Em entrevista, o diretor nos dá pistas dessa trama

“Na vida a dois, as pessoas mostram lados obscuros e as crianças são testemunhas silenciosas desses espetáculos”

Agora, a produção que deve levar o povo para o cinema é Cinquenta Tons de Liberdade. Anastacia está mesmo no espírito Senhora Gray e em grande estilo. Aproveitando a lua de mel, assumindo cargo de poder como editora literária e batendo de frente com uma arquiteta gostosona contratada para fazer o novo lar do casal. Opa! Não tem spoiler aqui não. Tá tudo no trailer:

Chega ao fim a saga de Christian Grey (Jamie Dornan) e Anastasia (Dakota Johnson) e depois de um casamento sonho, o casal terá sim de lidar com dois vilões já apresentados no filme anterior, Cinquenta Tons Mais Escuros: Elena Lincoln (Kim Basinger), mulher que iniciou Grey no sadomasoquismo, e Jack Hyde (Eric Johnson), ex-chefe de Ana obcecado por ela.

 

Os criadores de GoT estão com TUDO, e assinarão uma nova trilogia de Star Wars Eita! Quincy Jones dispara farpas e sobra para Michael Jackson e até para os Beatles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.