A Cabana tem um trailer bem explicativo: Um homem perde a sua filha mais nova, cujo corpo nunca foi encontrado, mas sinais de que ela teria sido violentada e assassinada são encontrados em uma cabana nas montanhas. Anos depois da tragédia, ele recebe um chamado misterioso para retornar a esse local, onde ele vai receber uma lição de vida. O filme é baseado no livro de mesmo título, best seller, escrito por William P. Young, em 2007. É importante que vocês saibam que o filme, assim como livro, fala da fé cristã, e busca por perdão e redenção através de diálogos que esse homem, interpretado por Sam Worthington,  estabelece com a santíssima trindade, representada por exemplo, por Octavia Spencer na figura de Deus. Também no elenco temos Alice Braga. As criticas ligadas à analise cinematográfica tem dito que o filme deixa a desejar, mas os leitores e aqueles que viram o trailer parecem se manter curiosos sobre a produção. Vamos aguardar os resultados.

Os Smurffs e a Vila Perdida

O filme feminista dos pequenos azuis. Pois é. Afinal, é sobre Smurfette (Demi Lovato)! Vamos descobrir como ela surgiu, a única garota entre os Smurffs e acompanhar seu conflito maior em descobrir quem ela é, qual seu propósito. A jornada interior será também exterior, já que ela e alguns dos meninos partirão para descobrir ser real aquilo que eles acreditavam até então ser uma lenda: A Vila Perdida.

Alguns documentários interessantes também chegam aos cinemas. O filme Quem Matou JonBenét? não é exatamente documental, mas reconstrói os acontecimentos que envolveram a morte, no Natal de 1996, da pequena rainha de beleza infantil JonBenét que foi encontrada estrangulada no sótão de sua casa. A produção da Lifetime tem elenco com muitos rostos conhecidos do pessoal das séries como Eion Bailey (Band of Brothers, Once Upon a Time, Stalker, Ray Donovan), Michel Gill (Mr. Robot, House of Cards, Ray Donovan), Julia Campbell (Dexter, Justified, Romy e Michele) e Payton Lepinski é quem vive a pequena JonBenét.

O caso, ainda sem solução, vem nessa versão filmada recheado de informações recentemente descobertas, e propõem uma nova visão sobre os acontecimentos e as teorias criadas sobre o assassinato questionando:  os pais Ramsey os responsáveis? Estavam protegendo alguém da família? Foi um sequestro que terminou mal? Ou resultado da obsessão de um predador que percebeu a garota em um concurso de beleza?

Já na linha documental mesmo, temos Pitanga, dirigido por Beto Brant e Camila Pitanga. Com a vida, a obra, a trajetória e a carreira de Antônio Pitanga, protagonista de momentos marcantes da cinematografia brasileira e protagonista de filmes importantes dirigidos por nomes como Glauber Rocha, Cacá Diegues e Walter Lima Jr.

Argentina,  de Carlos Saura, explora a música popular dos hermanos, com passado, presente e futuro e um aprofundamento no do país.

Fecho as dicas com Gaga – O Amor Pela Dança. Documentário sobre principal nome da dança contemporânea de Israel, Ohad Naharin, diretor da Batsheva Dance Company. O filme foi o vencedor do prêmio de melhor documentário na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo 2016, e fez também sucesso na internet através de um teaser que viralizou inclusive por aqui, por ser musicado com It’s a long way, de Caetano Veloso.

Lawrence Wahba e Tatiana Lohman dirigem o documentário Todas as Manhãs do Mundo, com narração de Ailton Graça e Letícia Sabatella. O filme retrata as diferenças entre espécies de animais e plantas, com destaque para os procedimentos de adaptação ao habitat, a luta por comida e as mudanças climáticas.

I am Heath Ledger: imagens inéditas do ator em filme sobre sua vida Os melhores restaurantes do mundo, eleitos pela Restaurant

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.