Que imagens mais emocionantes invadiram nossas timelines… Muitos acompanharam a transmissão da homenagem organizada pelo Atlético Nacional e pela Prefeitura de Medellín, uma cerimônia que começou com 71 pombas brancas sendo soltas no céu da cidade, exatamente o número de mortos no terrível acidente de avião com a delegação do Chapecoense.

Um minuto de silêncio em memória dos mortos, às 21h45, horário em que aconteceria a partida do Atlético Nacional contra a Chapecoense no jogo de ida da decisão da Copa Sul-Americana. O time colombiano entrou em campo vestido de preto, em silêncio. O estádio Estádio Atanasio Girardot, lotado… Eram 45 mil pessoas vestidas de branco, ou com a camisa do chapecoense segurando velas acesas. A entrada foi gratuita e ficou lotado em cerca de meia hora. Sem ingressos, milhares de pessoas também marcaram presença do lado de fora.

A homenagem contou com a participação da Orquestra Sinfônica da Colômbia, que tocou o hino da Colômbia e logo em seguida, o do Brasil. E com discurso bastante emocionado do ministro das Relações Exteriores, José Serra. Ele agradeceu a Colômbia por abraçar essa tragédia como se fosse sua, agradeceu as autoridades, à forma com que trataram o acontecido. Mas principalmente, agradeceu emocionadamente à todos que ali estavam demostrando carinho e luto pelos brasileiros envolvidos no acidente.

Nesse final de semana tudo será diferente: Já dá pra baixar conteúdo Netflix! Blue & Lonesome: E lá vem os Rolling Stones novamente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.