A série sueca é bastante pesada. Aviso, pois muitos não estão afim de temas assim durante a quarentena… Mas é realmente muito boa e trata de um assunto interessante, que é a forma como o extremismo islâmico recruta jovens, com foco especial nas meninas.

A história se divide entre Estocolmo, onde uma investigadora rebelde passa a ter como fonte uma jovem sueca de origem turca que caiu nas garras do Estado Islâmico e quer escapar de Raqqa na Síria. Em Estocolmo também acompanhamos as ações de um terrorista infiltrado, que seduz garotas a ponto de quererem viajar para a Síria e treina dois homens convertidos dispostos a tudo.

Outra parte da história se passa em Raqqa, onde a informante Pervin tenta descobrir detalhes das ações dos do Estado Islâmico para conseguir o apoio da investigadora no arquitetar de sua fuga com a filha bebezinha. Para isso, ela deve espionar o marido e seus comparsas terroristas.

Eu fiquei realmente impactada e tem pontos bastante interessantes e atualíssimos como a questão das fakenews sobre como age o Estado Islâmico no convencimento de meninas jovens a aderirem.

Home Before Dark é série para ver com os teens na Apple Tv + Máscara SIM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.