Este sábado dois filmes nacionais fizeram festa em um dos mais importantes festivais de cinema do mundo. Este ano, fomos o quarto país com maior participação no Festival de Cannes. Tínhamos seis filmes, e ficamos atrás apenas de França, Estados Unidos e Bélgica.

Em Cannes, A Vida Invisível de Eurídice Gusmão, de Karim Aïnouz (  Céu de Suely e Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo) , ganhou a mostra Um Certo Olhar, paralela à disputa pela Palma de Ouro. O filme se passa na década de 1950. O foco é em duas irmãs a jovem Eurídice, que em ser pianista e a irmã Guida. Ambas sofrem sob a batuta do machismo institucional. Guida, que foge jovem com o namorado fica grávida e é então expulsa de casa. Eurídice, fica e tem de lidar com a “vida adulta” e um casamento sem amor. O filme é uma adaptação do livro de Martha Batalha. As irmãs são vividas por Carol Duarte e Julia Stockler, o elenco contra ainda com Gregório Duvivier, Maria Manoella e Fernanda Montenegro. Em seu discurso, o diretor endereçou sua fala ao momento em que passa o Brasil:

“Estamos passando por um momento de intolerância muito grande no Brasil. As ameaças contra a educação, a criatividade e a cultura são gigantescas. Quero dedicar o prêmio à vivacidade e às atrizes do meu filme, que estão aqui”

O filme tem previsão de estreia no Brasil para novembro.

Bacurau, de Kleber Mendonça Filho, levou o prêmio do júri na mostra principal! Esta é a segunda vez que o cineasta recifense concorreu à Palma de Ouro. A primeira, em 2016, ficou marcada por um  ato anti-impeachment de Dilma, no tapete vermelho de Aquarius. O nome do filme faz referência a uma cidade fictícia do sertão pernambucano. Ali, mediante a uma invasão externa, o assédio estrangeiro tem revide na verve do cangaço. O filme estreia no Brasil em 30 de agosto.

Importante lembrar que fora da programação oficial, The Lighthouse, co-produção Brasil-Estados Unidos, foi eleito pela Federação Internacional de Críticos de Cinema como o melhor filme exibido no 72º Festival de Cannes. Mais um ponto para a produtora do brasileiro Rodrigo Teixeira, a RT Features está também por trás de A Vida Invisível de Eurídice Gusmão. O novo filme do diretor Robert Eggers (A Bruxa) tem Robert Pattinson (Saga Crepúsculo) no elenco, além de Willem Dafoe. O suspense é descrito assim: “conto hipnótico e alucinante de dois guardas de farol em uma remota ilha na Nova Inglaterra nos idos de 1890”. A estreia no festival foi aplaudida de pé.

Retrospecto:

Em 1953, O Cangaceiro, de Lima Barreto, ganhou  o prêmio de melhor filme de aventura em Cannes, e obteve sucesso mundial. Já em 1962, o filme O Pagador de Promessas ganhou a Palma de Ouro em Cannes. Outros filmes brasileiros marcaram o festival, como Vidas Secas, de Nelson Pereira dos Santos, e Deus e o Diabo na Terra do Sol, de Glauber Rocha, que mais tarde venceu o prêmio da crítica internacional em 1967, por Terra em Transe, sendo ainda premiado por melhor direção com O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro, em 1969. Também já foram premiadas as atrizes Fernanda Torres, por Eu Sei Que Vou Te Amar (1986), e Sandra Corveloni, por Linha de Passe (2008)

CONFIRA TODOS OS PRÊMIOS DE CANNES 2019:

Palma de Oro: Parasite, de Bong Joon-Ho.

Grande Prêmio do Júri: Atlantique, de Mati Diop.

Prêmio do Júri: dividido igualmente entre Les Miserables, de Ladj Ly, e Bacurau, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles.

Melhor direção: Jean-Pierre e Luc Dardenne por O Jovem Ahmed.

Melhor atriz: Emily Beecham, por Little Joe.

Melhor ator: Antonio Banderas, por Dor e Glória.

Melhor roteiro: Céline Sciamma, por Portrait de la Jeune Fille en Feu.

Menção especial do Júri: Elia Suleiman, por It Must Be Heaven.

Palma de Oro para o melhor curta: The Distance Between Us And The Sky, de Vasilis Kekatos.

Câmera de Ouro: Nuestras Madres, de César Díaz.

Melhor filme da mostra Um Certo OlharA Vida Invisível de Eurídice Gusmão, de Karim Aïnouz.

Prêmio do Júri de Um Certo OlharO Que Arde, de Oliver Laxe.

Prêmio Especial do Júri de Um Certo OlharLiberté, de Albert Serra.

 

Detalhes do casamento de Eduardo Bolsonaro chamam a atenção Direto do Freakpop: renovações e novas séries para vocês

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.