Depois de todo o rolo publicado pelo The New York Times, a atriz italiana Asia Argento se pronunciou sobre ter tido relações sexuais com o ator Jimmy Bennett quando este era menor de idade, e sobre pagar uma grana para que se enterrasse esse assunto sem processo.

“Estou muito impactada e magoada por ler esta informação que é absolutamente falsa. Nunca tive nenhuma relação sexual com Bennett.”

Sobre o pagamento dos US$ 380 mil ao jovem, que ela expõe como alguém que já processou a própria família para buscar dinheiro, ela diz que o fez por “compaixão e para ajudá-lo”, já que segundo ela o garoto passava por problemas econômicos. A atriz também enfatiza o pedido de que se pagasse o valor, feito por seu então namorado, o apresentador de televisão e chef Anthony Bourdain, que morreu em 2018.

“Anthony se comprometeu pessoalmente a ajudar Bennett economicamente, com a condição de que não sofrêssemos intrusões em nossas vidas”

A atriz ainda escreveu:

“É um assunto muito triste para mim, que me persegue há bastante tempo e que decidi neutralizar ante as instâncias competentes”

A atriz acredita que Jimmy Bennett “sabia que seu companheiro, Anthony Bourdain, era considerado um homem muito rico, que tinha que proteger sua reputação por ser uma personalidade muito querida pelo público”

As autoridades de Los Angeles esclareceram as informações dadas ontem, dizendo que Argento não está sendo investigada por este caso, mas que “realizará pesquisas” sobre o acontecido.

O site TMZ foi fundo e revelou as fotos de Asia Argento com Jimmy Bennett, então com 17 anos, na cama. Somado a isso, supostas mensagens em que atriz fala com uma amiga sobre o acontecido.

Nas mensagens de texto, a versão sobre a relação sexual é outra:

“Eu tive sexo com ele e foi estranho. Eu não sabia que ele era menor até chegar a carta”

“Não fui estuprada, mas fiquei congelada. Ele estava em cima de mim. Depois, me disse que eu era sua fantasia sexual desde que ele tinha 12 anos”

“Ele me escreveu depois e ficou me mandando nudes que eu não tinha pedido todos esses anos, antes da carta ao advogado.”

A atriz também diz à amiga que quando tinha 17 anos e se relacionava com um homem de 33. Sobre a questão a extorsão, e do envolvimento de Bourdain no caso, a atriz disse:

“Eu não reportei porque sempre me senti mal por esse ator criança fracassado de Hollywood. Tenho 80 páginas sobre ele de um investigador que Anthony [Bourdain] contratou. E todos os e-mails do Anthony me pressionando a aceitar o pagamento.”

E inclusive explicou que a recomendação da advogada era de ir à público para expor a chantagem. Asia Argento ainda diz à amiga que se for demitida de seus trabalhos, quer se abrigar em algum país distante:

“Se perder meu trabalho, eu vou mudar para a África ou para a floresta Amazônica. Quero ser como 90% do mundo, que não liga para essa merda. Etiópia ou Senegal. Talvez Brasil”

Reprodução/TMZ

 

 

 

Asia Argento exposta Cineminha? Javier Bardem e Penélope Cruz recontam história de Escobar, e ainda temos o nacional Benzinho e o terror Slender Man

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.