Aconteceu ontem a premiação do American Music Awards, direto de Los Angeles. importante ressaltar que os vencedores são os escolhidos pelo público, que vota pela internet. Bruno Mars levou sete prêmios, inclusive o mais importante da noite Artista do Ano, mas infelizmente não pode receber pessoalmente nenhum deles ( afinal está em turnê pelo Brasil!).

Entre os destaques da 45ª edição do American Music Awards tivemos Lady Gaga (Artista Feminina de Pop Favorita), Shawn Mendes (Artista de Música Adulta Contemporânea Favorito, Niall Horan (Artista Revelação) e Justin Bieber que levou dois prêmios (Melhor Colaboração por Despacito com Luis Fonsi e Daddy Yankee e Melhor Música de Hip Hop por I’m the One com o DJ Khaled).

Rolaram muitas apresentações, e duplas inusitadas como P!nk e Kelly Clarkson, numa versão de Everybody Hurts, do R.E.M.. Já Demi Lovato e Shawn Mendes entoaram seus sucessos Sorry Not Sorry e There’s Nothing Holdin Me Back. Selena Gomez apareceu loira, e no palco fez a primeira interpretação live de Wolves, com o DJ Marshmello. Foi legal ver Lady Gaga direto de Washington, onde estava com sua Joanne World Tour,  performando The Cure para depois receber e agradecer o prêmio que recebeu direto de lá!

Em comemoração ao 25º aniversário de O Guarda-Costas, teve homenagem à Whitney Houston <3 Viola Davis fez o discurso e no gogó quem segurou a bronca de representar a diva foi Christina Aguilera, que fez um apanhado de I Will Always Love You, I Have Nothing e I’m Every Woman.

Outro momento especial foi a entrega de um prêmio especial pelo conjunto da obra para Diana Ross <3 A filha da cantora, a atriz Tracee Ellis Ross (Black-ish) foi a apresentadora da cerimônia e foi quem entregou a premiação. Ross relembrou sucessos como I’m Coming Out e Take Me Higher.

E serião: o que foi a Pink pendurada da lateral daquele prédio de vidro? A apresentação foi incrível e eu quero acreditar que não teve playback. Que Beautiful Trauma é esse, Brazel?

A noite também marcou a estreia do BTS no AMA. O boygroup sul coreano, símbolo do K- Pop, cantou o single DNA,que está tocando nas rádios americanas desde outubro deste ano.

Quem foi Charles Manson e o que isso tem a ver com a série Mindhunter Ryca! Ryca! A Beyoncé é a mais rycaaaaaaaaaaa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.