Conhecemos bem o Professor, Toquio, Berlim, Rio, Nairobi e todas essas cidades que viraram pessoas, e que usam uma máscara de Dali e que roubaram o coração dos brasileiros na série espanhola A Casa de Papel. Agora vocês sabem quem são Belém, Paraíba e Minas Gerais?

Pois esses foram os apelidos inspirados na trama usados pelo youtuber Gerson Albuquerque e três amigos que acabaram detidos quando tentaram invadir um presídio nesta terça, numa pegadinha inspirada na série… Que ideia. Bom, os caras foram detido por policiais ao invadir o estacionamento do Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna de Abreu e Lima, em Pernambuco.

Vídeos no Instagram postados na noite da última segunda mostram a preparação para a “brincadeira”, vestidos com o macacões vermelhos e máscaras de Salvador Dalí.

A tentativa da trolagem, deu ruim e os agentes penitenciários realizaram a abordagem e os encaminharam à Delegacia de Paulista [cidade vizinha] para providências legais cabíveis.  Pedro Eurico, secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco, falou o que todo mundo já poderia imaginar:

“É de uma irresponsabilidade inimaginável. Foi uma ação arriscada e que só não teve um final trágico graças à experiência dos nossos agentes penitenciários. Recentemente, 21 pessoas morreram numa tentativa de resgate no presídio do Pará. Na ação de hoje, o grupo poderia facilmente ser confundido com estes mesmos criminosos”

Agora, quem curte a série pode comemorar. A Netflix anunciou nesta madrugada que comprou os direitos de La Casa de Papel e fará uma terceira temporada! Rio, Nairobi e Denver, ao lado do Professor, nos contaram a boa nova:

Sem spoilers, ao que parece, pleo convite para que o expectador “junte-se à Resistência”, podemos concluir quer a trama possa seguir tratando das consequências do assalto. Veremos.

Uma linda mulher para Richard Gere Morrissey naquela polemiquinha do Hitler ser de esquerda ou de direita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.