Teríamos a apresentação de Todo o Dinheiro do Mundo, novo filme de Ridley Scott, durante o AFI Fest de Los Angeles que acontece entre os dias 9 e 16 deste mês. Acontece que o filme tem Kevin Spacey no elenco e por isso cancelou sua estreia no festival.

Uma pena. A produção me parece muito incrível: baseado em fatos reais, o filme mostra o episódio do sequestro do neto de um dos homens mais ricos da história, o magnata John Paul Getty. Spacey é Getty, e no elenco temos ainda os ótimos Michelle Williams e Mark Wahlberg. O estúdio TriStar Pictures lançou comunicado que diz:

“Por conta das acusações sobre um de seus atores, e por respeito aos afetados, seria inadequado realizar uma festa de gala neste difícil momento. Por consequência disso, o filme será retirado do festival.”

Já a estreias comercial do filme será mantida para 22 de dezembro.

A Netflix também rompeu com o ator. Além do congelamento da produção de House of Cards, que a essa altura sobreviveria mais uma e derradeira temporada com o funeral de Frank Underwood, o projeto de um filme sobre o escritor Gore Vidal foi cancelado ( a estreia era prevista para 2018).

O Jornal Daily Mail trouxe matéria em que revela que Kevin Spacey iniciou na semana passada um programa de reabilitação para viciados em sexo, na clínica The Meadows. O ator teria desembolsado U$ 36 mil (cerca de R$ 118 mil) por mês, pagos ao centro de reabilitação que fica na vila Wickenburg, no Arizona, a mesma clínica em que Harvey Weinstein estaria passando por tratamento.

Senhos dos Anéis, a série. Saiba mais sobre o projeto! Elton John e sua contribuição na luta contra o HIV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.