Nessa quarta os organizadores do Woodstock 50 anunciaram o cancelamento do evento. A ideia era comemorar o cinquentenário do famoso festival de música de 1969 com uma programação de 80 artistas atuais que se apresentariam entre os dias 16 e 18 de agosto. Michael Lang que foi um dos criados do festival original envolvido também na realização deste evento disse:

“Estamos tristes com o fato de que uma série de contratempos impossibilitou a realização do festival que imaginávamos com a grande programação que tínhamos planejado e o engajamento social que estávamos antecipando”

Os organizadores não conseguiram financiamento, perderam dois locais em que aconteceriam as apresentações no estado de Nova York e gente como o rapper Jay-Z e a cantora Miley Cyrus pulou fora. Pelo menos não terão problema com devolução de ingressos, pois esses não foram colocados à venda.

Agora, uma fonte revelou à Variety que mesmo cancelado o evento, os artistas que estavam programados para se apresentar receberam seus cachês, pagos integralmente. Jay-Z, Dead & Company, The Killers, Miley Cyrus, Imagine Dragons, Chance the Rapper, Halsey, The Raconteurs, Santana, John Fogerty e outros, embolsaram a grana antecipadamente. O dinheiro ficaria mantido em garantia, até que o festival fosse realizado ou cancelado.

Esse pagamento teria sido financiado pelos US$ 32 milhões pagos ao festival pela Amplifi Live, a divisão de investimentos da Dentsu Aegis. Mas a Amplifi Live saiu dos planos do festival em maio, alegando que este estaria cancelado, e retirando US $ 18 milhões da conta de Woodstock 50 logo em seguida.

Parece que ainda haverá um outro evento, capitaneado pela organização sem fins lucrativos Bethel Woods Center for the Arts, dona da área onde ocorreu o festival o Woodstock original. A comemoração tomará 3 dias, com apresentações de Ringo Starr, Santana e Doobie Brothers. No final de dezembro do ano passado, o site do Bethel Woods Center For The Arts anunciou sua celebração e logo na sequência, no dia 9 de janeiro, Michael Lang, cocriador do festival de 1969, confirmou para a imprensa americana que faria um evento tributo ao aniversário de meio século de Woodstock, esse agora cancelado.

Bethel fará uma semana inteira de comemorações, com direito a exibição ao ar livre do documentário Woodstock: The Director’s Cut, no próximo dia 15. Na sexta, dia 16 de agosto, teremos Ringo Starr, Arlo Guthrie e Edgar Winter. No sábado, dia 17, Santana ( que se apresentou no concerto original) se junta aos Doobie Brothers. E ainda teremos no domingo, John Fogerty com a Tedeschi Trucks Band e Grace Potter.

Cineminha? Spin-off de Velozes & Furiosos, francês com Catherine Deneuve e documentário sobre a greve dos caminhoneiros Anitta apresenta novo empresário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.