A compostagem é o caminho mais indicado para os resíduos orgânicos. O processo consiste na decomposição de materiais orgânicos por organismos vivos, que os transformam em adubo para plantas, rico em nutrientes, e pode ser feito em casa mesmo. Leia mais sobre isso aqui e aqui.

O adubo orgânico fortifica o solo com nutrientes 100% naturais, e pode ser obtido a partir de cascas de frutas, sobras de verduras e legumes, farelo de pão e até borra de café. No entanto, há determinados alimentos que não podem ser colocados na composteira – como as frutas críticas, por exemplo. Isso porque sua casca e polpa, que são bastante ácidas, alteram o PH da terra, desbalanceando todo o ecossistema que está se formando ali. Isso vale para limão, laranja, abacaxi, mexerica, maracujá, entre outras.

Mas isso não significa que as cascas e bagaços dessas frutas devem ir direto para o lixo comum. O bagaço do limão, por exemplo, quanto misturado a sal e bicarbonato de sódio, pode ser usado como desengordurante na cozinha. Já o lado interno da casca de laranja – aquela parte branca – serve para polir e lustrar móveis de madeira maciça. Por fim, as cascas secas de todas essas frutas também ajudam a acender a churrasqueira, por conterem substâncias inflamáveis, e a afastar insetos de casa – é só deixar um pedaço no lugar daqueles tabletes de veneno industrializados para manterem longe pernilongos, mosquitos e formigas, por exemplo.

Além disso, vale aproveitar as cascas ainda em receitas. Geleias, lascas cristalizadas ou cobertas com chocolate, chás e drinques são algumas das opções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *