*Por Rita Heroína 

Na teoria das cores, cor é energia, é vibração. A cor só existe na presença da luz. Ou seja, luz é requisito-chave para enxergar a cor: se muda a luz do ambiente, muda a cor enxergada também. Isso também significa que a cor é afetada pelas cores que estão ao seu redor.

Entrando agora no meu mundo de Consultoria de Imagem, na Análise de Coloração Pessoal, isso super se aplica! Mas o que é a Análise de Coloração Pessoal? É uma técnica estudada há décadas, desenvolvida pela americana Suzana Caygill nos anos 40, com base no estudo científico das cores, e que basicamente analisa o conjunto de cores pessoais da cliente e descobre qual a cartela de cores que melhor harmonizam com tom de pele, cabelo e olhos. No meu caso, eu trabalho com Método Sazonal Expandido, onde temos 12 opções de cartelas.

Quando eu falo sobre as cores pessoais, nesse conjunto estão inclusos os tons de pele, cabelo, olhos e sobrancelha. Ainda temos o subtom, que indica a temperatura da pele, se é quente (quando tem mais presença de amarelo e/ou dourado), fria (quando tem mais presença de rosa e/ou cinza) ou neutra (presença de amarelo e rosa).

Realizar esse estudo tem diversas vantagens. Eu costumo dizer que as cores têm um poder tremendo na nossa imagem. É importante ressaltar que esses efeitos são de fato notáveis próximos ao rosto, ou seja: na maquiagem, no cabelo, nos acessórios como brincos, lenços e colares, e claro, nas peças de cima como blusas, camisas, casacos, jaquetas, etc.

Ter a cartela serve para te indicar as cores que irão te valorizar, harmonizar com sua coloração pessoal e realçar o que há de positivo no seu rosto:

• pele iluminada,
• suaviza as olheiras,
• disfarça o aspecto de cansaço do rosto,
• harmoniza a pele,
• disfarça pequenas imperfeições e manchas na pele,
• deixa o rosto com um contorno bonito,
• pele fica com aspecto saudável,
• define os traços.

Quanto ao Método Sazonal Expandido, ele é formado por 12 cartelas: Primavera Pura, Primavera Brilhante, Primavera Clara, Inverno Puro, Inverno Escuro, Inverno Brilhante, Verão Puro, Verão Claro, Verão Suave, Outono Puro, Outono Suave, Outono Escuro.

Observe que os tons de pele mais frios (com fundo azulado, rosado) se encontram nas cartelas de Verão e Inverno, já os tons mais quentes (com fundo dourado, amarelado) se encontram na Primavera e Outono. E aí temos os neutros, que pode caber em ambos.

O uso de cores contrárias a sua cartela pessoal, pode prejudicar sua imagem. Pode influenciar negativamente das seguintes formas:

• Realça linhas de expressão
• Aspecto de cansada
• Cria sombras no rosto
• Destaca as olheiras

 

* Rita Heroína sempre foi apaixonada pelo mundo da beleza e da moda, e expressa, com sensibilidade, os pontos fortes de cada cliente através da Consultoria de Imagem e Estilo. Certificada pelo Image Resourse Center of New York, por Dominique Isbecque, e membro da AICI (Association Internacional of Image Consultants) com CIC (Certified Image Consultant). Rita é formada em etiqueta pessoal e postura visual por Christine Yufon, graduada em Farmácia, mestre em análises clínicas e com MBA em gestão de saúde pela UNIFESP – SP. Especialista em análise cromática e coloração pessoal pela The Style Core em Los Angeles. No Brasil é Pós-graduada em Consultoria de Imagem e Estilo pela Faculdade Belas Artes, formada em Personal Stylist e Personal Shopper pela Escola Panamericana de Arte.

Paty Moraes Nobre

https://jovempan.uol.com.br/guiasp

Jornalista e agitadora cultural, atuou como repórter em rádios como Jovem Pan e Band, videorrepórter na TV Cultura, editora de notícias, lifestyle, TV e Cultura nas empresas Globo.com, Editora Globo, Caras e Portal iG. Casada e mãe, escreve sobre gastronomia no Portal UOL, é colunista da Exame Vip, da Editora Abril, e coordenadora das plataformas Mulheres da Pan e Revista Guia SP, da Jovem Pan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *