Nesta semana começou mais uma edição do Big Brother Brasil, e um assunto que sempre surge durante o reality é: como ficar sem fazer sexo?

Claro que existem participantes que deixam a vergonha de lado, entram debaixo do “famoso” edredom e não passam vontade.

Mas há aqueles que são comprometidos, ou não encontram ninguém interessante no programa, e passam o confinamento inteiro sem fazer sexo – o que pode significar mais de três meses, considerando que a pessoa chegue à final, mais o tempo de isolamento inicial.

“Mas Paula, eu nem estou no BBB e também já fiquei mais de três meses sem fazer sexo. É normal? Faz mal à saúde?”

Não tem problema algum você ficar sem fazer sexo por algum tempo! Seja por vontade própria, problemas de saúde ou dificuldade de encontrar um parceiro/a (vale lembrar que ainda estamos vivendo uma pandemia, e o isolamento segue sendo recomendado).

E se você tem um parceiro/a, mas não sente vontade por um período, tudo bem também! É algo que deve ser conversado e respeitado! Mas vale acender o sinal de alerta caso você perceba que isso está atrapalhando seu relacionamento. Faça um exercício de reflexão e autoconhecimento e tente entender o porquê disso estar acontecendo… já falei aqui no blog sobre algumas situações que podem prejudicar a vida sexual. Nestes casos, e também se a falta de sexo for por algum desconforto, vale procurar um especialista!

Para algumas pessoas, os três meses de isolamento e possível abstinência no BBB, por exemplo, pode ser bem tranquilo, mas para outros pode parecer um período interminável, e cada vez parece que a vontade aumenta mais!

A verdade é que não existe tempo certo ou errado para fazer sexo ou ficar sem. A regra é que não existe regra! Cada um e cada casal é único, e o importante é que todos estejam satisfeitos.

A minha dica, esteja você no BBB ou não, é a masturbação! Se estiver com desejo, se sentir à vontade e com um mínimo de privacidade (vale apelar até para o edredom para não ser flagrada nas câmeras), use a abuse do seu autoconhecimento e curta o prazer com você mesma!

 

paulanapolitano

Psicóloga clínica, pós graduada em Terapia Sexual e em Terapia Cognitivo Comportamental. Também é autora do livro "Sexplicando: sexualidade sem mitos e tabus".