Enoteca: Seleção de vinhos tem Cabernet Franc a partir de R$45

*Por Esper Chacur Filho

A uva Cabernet Sauvignon, entre as tintas, junto com a Pinot Noir, deve ser a mais popular das castas. Entretanto, muitos se esquecem da sua ancestral, a Cabernet Franc.

É isso aí, a famosa Cabernet Sauvignon nasceu de uma clonagem, ou enxerto, entre a Cabernet Franc e a Sauvignon Blanc.

Em Bordeaux, a Cabernet Franc é vista como uma uva secundária, entretanto, no Loire, é uma casta de muito respeito. Ao meu ver, os vinhos Cabernet Franc do Loire são muito mais gostosos, mais fáceis de beber (e mais em conta) que os de Bordeaux – em Bordeaux a grande referência à Cabernet Franc é o mítico Cheval Blanc – os que mais gosto vêm de uma sub região do Loire, chamada Chinon.

Os vinhos de lá são fáceis de beber, combinam bem com muitos pratos e são vinhos gastronômicos, isso pela leveza e acidez. Outra coisa que torna o Cabernet Franc do Loire tão bacana é a pouca ou nenhuma madeira e o fato de ser um vinho que vem pronto para o mercado, mesmo tendo um bom potencial de guarda.

Além da França, encontramos bons Cabernet Franc no Chile, Valle de Maipo, nos Estados Unidos, no Norte da Itália, especificamente no Friulli, e alguma coisa aqui pelo Brasil.

Sugiro alguns Cabernet Franc para aqueles que querem conhecer mais dessa casta, com a certeza que vão se apaixonar.

Esses vinhos estão numa faixa de preço que varia de R$ 45 a R$ 120. Do Chile, sugiro o Orzada; do Brasil, o Valmarino e o Salton Varietal CF; da França, o Chinon La Baronnie Madelaine e um com corte CF e, outras uvas, o Arrogant Frog.

Os vinhos ficam melhores se refrescados a 16ºC.