Pular para o conteúdo

Brasil foi bem na Austrália

Brasil foi bem na Austrália

Não deu para o Brasil, a Austrália era favorita jogando em casa. No primeiro dia os anfitriões abriram dois a zero. Jordan Thompson (#64) bateu Thiago Monteiro (#82) por 6/4 e 6/4 e John Millman (#43) venceu Thiago Wild (#114) por 6/4, 6/7 e 6/2. Foram dois jogos equilibrados.

No segundo dia conseguimos uma vitória incrível nas duplas. Marcelo Demoliner (#48) e Felipe Meligeni (#134) bateram de virada os experientes James Duckworth (#192) e John Peers (#31) por 5/7, 7/5 e 7/6.

No último dia, Thiago Monteiro esteve muito próximo de levar o confronto para o quinto jogo. O brasileiro saiu na frente mas acabou levando a virada. O australiano John Millman venceu a partida em três tie-breaks, parciais 6/7 (6-8), 7/6 (7-3) e 7/6 (7-3), após 3h05 de uma intensa batalha.

Apesar da derrota, o capitão Jaime Oncins saiu orgulhoso com a nova equipe do Brasil.

“Nós perdemos o jogo, mas voltamos para casa orgulhosos pelo que aconteceu aqui. Todos os tenistas que jogaram deixaram 100% dentro de quadra, jogaram com o coração. Vimos a estreia de dois jovens, que foram o Thiago Wild e o Felipe Meligeni, e eles foram muito bem, assim como o Thiago Monteiro e o Marcelo Demoliner tiveram atuações em alto nível. Estamos construindo uma equipe promissora para a Copa Davis”, destacou Jaime Oncins.

O Brasil volta para o Grupo Mundial I da Copa Davis e aguarda o sorteio para conhecer o próximo adversário para o confronto que acontecerá em setembro.

Comentários

comments