Pular para o conteúdo

Verdão quebra jejum no Paulistão

Verdão quebra jejum no Paulistão

Foi uma final histórica. Não pela parte técnica mas pelo roteiro dos minutos finais da decisão. Na primeira partida  faltou emoção no Itaquerão. Em compensação, na Arena do Palestra tivemos teste para cardíacos.

O primeiro tempo foi equilibrado com uma chance clara de gol para cada lado. O segundo começou animado graças ao gol de Luiz Adriano. Nos acréscimos, quando tudo parecia decidido, Gustavo Gómez cometeu pênalti em Jô. O atacante do Corinthians bateu, empatou e levou para os pênaltis.

Luxemburgo reclamou da arbitragem mas isso virou pleonasmo.

Na disputa em pênaltis o Palmeiras levou vantagem. Cássio e Weverton são dois grandes pegadores de pênaltis. Havia equilíbrio. Já os batedores do Corinthians eram bem mais fracos na parte técnica e mental. Aliás, Tiago Nunes foi muito bem na fase final do Paulistão, basta olhar o elenco.

Palmeiras saiu da fila no Paulistão após 12 anos.

 

Comentários

comments